6 vegetais aliados da perda de peso para incluir agora na sua dieta

Uma alimentação equilibrada deve sempre incluir alguns vegetais, pois além de serem ricos em nutrientes e vitaminas, auxiliam na redução do apetite. Descubra quais são os melhores!

Todo mundo sabe que os vegetais são alimentos ricos em diversos nutrientes e devem fazer parte de uma alimentação saudável. Mas eles são grandes aliados de quem busca redução de peso corporal.

Em sua maioria, são alimentos de baixo valor calórico e apresentam diversas vitaminas, minerais e outros nutrientes importantes para a saúde.

Isso é perfeito para quem deseja emagrecer, pois você consegue consumir uma maior quantidade do alimento, suprindo as necessidades de diversos nutrientes, reduzindo a fome e a vontade de comer alimentos calóricos, sem aumentar muito o número de calorias consumidas.

Além disso, alguns dos vegetais são ricos em fibras, que tem o poder de aumentar a sensação de saciedade, evitando que você sinta fome.

Veja alguns vegetais para variar a sua dieta, sem comprometer seus resultados!

6 vegetais aliados da perda de peso para incluir agora na sua dieta

1- Agrião

vegetais agrião

100g de agrião = 17 calorias

O agrião tem um potente poder antioxidante, pois é rico em ácido fenólico. E assim como outros vegetais verde escuros é uma boa fonte de Cálcio (133mg).

Além disso, também é rico em magnésio, ferro e em vitaminas, como complexo B, vitamina C e vitamina A.

Esse vegetal ajuda na prevenção de resfriados e infecções virais e bacterianas, e ainda contém substâncias que ajudam a desintoxicar o fígado e a eliminar as toxinas do organismo.

O talo do agrião ainda é uma boa fonte de iodo – substância importante para a saúde da tireoide.

Seu consumo deve ser feito duas vezes por semana, em uma média de 100 gramas por dia.

2- Rúcula

vegetais rúcula

100g de rúcula = 13 calorias

A rúcula possui uma série de substâncias boas para a saúde, entre elas as vitaminas A, C e K. Ela ainda auxilia na perda de peso, prevenção do câncer e atua como antioxidante, sendo também ótima para a visão.

As vitaminas A e C ajudam a aumentar a imunidade do corpo e são ótimas para os olhos, pele, ossos e dentes. Já a Vitamina C é conhecida como um poderoso antioxidante, que ajuda a prevenir o câncer e estimula o sistema imunológico. Também ajuda a prevenir a degeneração macular, evitando assim a catarata nos olhos. 

Outra Vitamina bastante presente na rúcula é a Vitamina K, e seu consumo diário leva à diminuição dos riscos de fraturas ósseas. Ela também é uma boa fonte de cálcio, ferro, potássio, manganês e fósforo, todos os minerais essenciais que oferecem benefícios à saúde.

Por conter ação antioxidante, auxilia na redução do risco de vários tipos de câncer e de doenças cardiovasculares. Essas substâncias também ajudam a retardar o desenvolvimento de algumas doenças relacionadas ao envelhecimento.

Além de todos seus benefícios, ela é um vegetal que está bastante presente nas saladas, e na dieta de quem procura um estilo de vida mais saudável!

3- Aipo

vegetais - aipo

100g de aipo = 19 calorias

O Aipo é rico em cálcio, potássio, e vitaminas A e  C. Suas propriedades dietéticas ao mesmo tempo hidratante auxilia na eliminação dos gases intestinais e na eliminação das toxinas, e do ácido úrico do aparelho digestivo. 

Mas o que faz dele interessante alimento para incluir na sua dieta é que ele também é rico em fibras, que auxiliam no funcionamento intestinal e aumentam a sensação de saciedade; em outras palavras diminuem o apetite.

Além disso, o aipo ajuda a aumentar a produção de saliva e sucos gástricos, facilitando a digestão, evitando aquela sensação de inchaço. 

4- Rabanete

vegetais rabanete

100g de rabanete = 14 calorias

O rabanete é crocante e ardidinho, rico em vitamina C, vitaminas do complexo B e em cálcio.

Trabalhando em conjunto, as vitaminas B executam diversas funções no organismo, inclusive a quebra, liberação e armazenamento da energia provinda dos alimentos.

Elas preservam o tecido muscular – por isso são aliadas para quem treina –  atuam na produção de hemácias e mantém o sistema nervoso saudável.

Já a vitamina C é importante para o sistema imunológico, auxiliando a proteger as células e as mantendo saudáveis. Ela também promove a absorção do ferro contido em fontes vegetais.

A melhor maneira a ser consumida é cru.

5- Abobrinha

vegetais abobrinha

100g de abobrinha italiana cozida = 15 calorias

Com pouquíssimas calorias (27 kcal por 100 g), a abobrinha é composta basicamente por água (95% do legume é composto por líquido). No entanto, é uma boa fonte de vitamina C e de folato.

Além disso, contém também betacaroteno, que é convertido em vitamina A no organismo.

Ela também é rica em vitaminas do complexo B. A B1 ativa o sistema nervoso, atuando na concentração e no foco. A B3 ativa a circulação, melhora a digestão e ajuda a baixar os níveis de colesterol, pressão e glicose.

A abobrinha também tem fósforo, cálcio e potássio, bons para fortalecer os dentes, ossos e articulações.

6- Pepino

vegetais pepino

100g de pepino = 10 calorias

Os principais nutrientes encontrados no pepino são o magnésio, o potássio, a vitamina B5, a vitamina C e os carotenóides, substâncias antioxidantes associadas a um menor risco de doenças cardiovasculares e certos tipos de câncer.

O pepino contém compostos antioxidantes, substâncias encontradas nos alimentos que podem ter uma ação protetora contra o desenvolvimento de doenças crônicas, como as cardiovasculares e o câncer.

No caso do pepino, os principais antioxidantes são os carotenóides beta caroteno, alfa caroteno e luteína e zeaxantina, que têm demonstrado capacidade preventiva em alguns tipos de câncer, como o de mama, e ainda diminuem o risco de certas doenças oculares como a degeneração macular e a catarata.

A hortaliça também oferece vitamina C, outro antioxidante importante, que protege organismo de infecções, mantém a saúde de ossos, cartilagens e mucosas, e facilita a absorção de ferro.

A vitamina B5 é outra que contribui para o bom funcionamento do sistema imunológico, assim como o magnésio, mineral importante para o desenvolvimento dos ossos e dos dentes.

O potássio, por sua vez, atua como regulador da pressão e do pH sanguíneos e auxilia os processos digestivos e as contrações musculares — após atividades físicas muito intensas, a reposição de potássio no organismo ajuda na recuperação dos músculos.

LEIA MAIS: 6 alimentos anti-inflamatórios que devem fazer parte da sua alimentação
LEIA MAIS: 4 alimentos proteicos e funcionais que você deveria comer
LEIA MAIS: Os 6 melhores cereais para quem quer emagrecer

Comentários