Treino, deadlift, força pura

Um treino de força pura que vai melhorar seus ganhos de hipertrofia

O treino de força pura deve ser colocado de maneira planejada na sua programação, pois não deve ser feito de qualquer jeito, se você quer bons resultados.

O treino de força pura não é um treino qualquer, precisa ser feito com cuidado, precisa ser planejado.

Este é um tema que já foi tratado no site recentemente, mas que agora você terá a chance de colocá-lo em prática.

Isso porque o personal Fabio Pasetto (Cref 034971-G/SP) criou um treino de força pura, dividido em ABC, para você fazer.

Que fique bem claro que não é um treino para principiantes, pois exige muito do físico de quem for treinar.

Por isso, é preciso ter um bom tempo de treino, um nível elevado. Converse com seu professor e veja se está apto para fazer este treino.

O treino de força pura precisa ser feito com cuidado, para que assim se conquiste bons e se significativos resultados.

Então, se liga:

Um treino de força pura que vai melhorar seus ganhos de hipertrofia

potencial muscular maximo - hipertrofia rosca direta

Como funciona?

Quando o senso comum fala em força, não distingue que tipo de força. Para profissionais da área, quando se fala em força, quer dizer exatamente: força pura.

Basicamente, força pura se resume a séries de altíssima intensidade com 100% ou quase de 1 a 5, ou no máximo 6 repetições, chegando a falha concêntrica.

Esse não é um treino para iniciantes. Se você não for um powerlifter, não foque seus treinos apenas em treinos de força pura.

Faça treinos de hipertrofia, de potência e até resistência muscular para atingir o máximo potencial da sua força.

Agora se seu objetivo é somente estético, pode sim se beneficiar com os treinos de força, pois eles auxiliam de forma indireta seu treino de hipertrofia.

Isso vai além de você conseguir levantar mais carga nos exercícios.

Treinando força pura, você melhora sua técnica e estabilidade articular. Além disso, seu sistema nervoso central estará mais preparado para coordenar os movimentos sob altas cargas.

Isso sim te ajudará a melhorar os treinos de hipertrofia!

Treino de Força Pura

supino reto, supino

Esse é um treino estruturado para quem ficar grande. Já tem uma característica segmentada.

Independentemente como divide seus treinos, treinos de força podem ser feitos, no máximo, com uma divisão ABC.

Dividir mais não trará benefícios extras, pois esse tipo de treino funciona melhor para grandes grupos musculares e exercícios multiarticulares.

Se liga no treino:

A – Peito / Ombro / Tríceps

  • Supino Reto – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Supino com halteres – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Desenvolvimento – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Tríceps Testa – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min

B – Perna

  • Agachamento Costas – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Leg Press – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Levantamento Terra – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min

C – Costas / Bíceps / Trapézio

  • Barra fixa (com peso extra se necessário) – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Remada cavalinho – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Rosca direta – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min
  • Encolhimento – 5 X 4 a 6 reps – Intervalo 3 min

Faça esse treino entre 4 a 8 semanas e depois mude o treino.

BÔNUS: Suplementação

Além do treino, você pode aumentar a sua força com a ajuda de alguns suplementos alimentares, como o Soma Pro.

Soma Pro é um suplemento composto pelo verdadeiro ZMA®, que tem seu efeito comprovado em relação ao aumento de força.

O estudo mostrou aumento de 4,8 vezes na força do quadríceps e de 1,7 na potência dos posteriores de coxa na comparação entre o grupo que fez suplementação com ZMA® e o grupo que tomou placebo.

Outros efeitos e benefícios do ZMA® também foram comprovados neste estudo, como suporte anabólico, aumento da testosterona livre, aumento de IGF-1, entre outros.

*É sempre importante ter um parceiro de treino e estar apto a esse tipo de treino!

 
 

 

LEIA MAIS: Hipertrofia: o que a ciência diz sobre o desenvolvimento muscular
LEIA MAIS: Potencial muscular máximo: descubra o quanto você pode crescer

Comentários