phil heath - treino de ombro

O treino de ombros de Phil Heath, hexacampeão do Mr. Olympia

Quer saber como um dos maiores nomes da história do bodybuilding treina seus ombros? Se liga nas dicas do Phil Heath, hexacampeão do Mr. Olympia

Além de eventualmente soltar umas dicas no seu Instagram – como a gente já mostrou neste outro post – Phil Heath também já divulgou alguns de seus treinos.

Um deles é o treino de ombros, que ele divulgou originalmente no site Flex.

E aí, quer saber como um dos maiores nomes da história do bodybuilding treina seus ombros? Então se liga no relato do próprio atleta, que a gente reproduz abaixo:

O treino de ombros de Phil Heath, hexacampeão do Mr. Olympia

Quando treino ombros, gosto de misturar. Existem muitas opções de exercícios, como o supino com halteres, desenvolvimento com barra, desenvolvimento no Smith e alguns outros.

É fundamental ativar os ombros de diferentes formas e diferentes ângulos. Pequenos ajustes e a escolha dos exercícios podem fazer toda a diferença.

Por exemplo, você pode fazer desenvolvimento na máquina (hammer strenght) para frente e para trás. E fazer essa inversão pode deixar o exercício completamente diferente.

Em relação ao tempo, também é interessante, porque você faz vários exercícios no mesmo lugar quando usa variações do mesmo exercício. Por que não aproveitar para fazer tudo o que você pode enquanto está em algum lugar?

Eu gosto de fazer quatro séries virado para frente, com as costas no encosto do banco, e, depois, virar o corpo para fazer mais 4 séries com o peito no encosto.

Mas isso é só um exemplo, que pode ser aplicado em outros exercícios.

O importante é focar nos ombros e, na maioria dos casos, se você notar que outros músculos estão trabalhando, diminuir a amplitude de movimento pode resolver.

O treino

  • Elevação lateral com halteres: 4 x 12 reps
  • Elevação frontal com halteres: 4 x 12 reps
  • Desenvolvimento no Hammer Strenght (frente): 4 x 10 reps
  • Desenvolvimento no Hammer Strenght (costas): 4 x 10 reps
  • Crucifixo invertido deitado no Hammer Strenght: 4 x 12 reps

Importante lembrar que esse é o treino de um atleta profissional de altíssimo nível. A ideia é que sirva como referência e motivação, e não que você tente fazer.

Inclusive, se quiser tentar, o ideal é conversar com um profissional de educação física para ajustar o volume do treino à sua capacidade e, também, para substituir exercícios que você não tem como fazer – as máquinas Hammer Strenght, por exemplo, não são muito comuns no Brasil.

E aí, será que dá para encarar?08

Comentários