Queijos

Os tipos de queijo que combinam (ou não) com seu objetivo na academia

Queijo é um dos alimentos preferidos da galera, mas para quem treina, é preciso ficar ligado em alguns aspectos, de acordo com seu objetivo!

Há diversos tipos de queijos disponíveis no mercado e as diferenças entres eles vão muito além do preço.

Alguns queijos apresentam altas quantidades de gorduras, enquanto outros contêm uma baixa quantidade.

Também têm queijos que apresentam alto teor de proteínas e outros não, e por aí vai as diferenças nutricionais entre eles.

De forma geral, em uma alimentação saudável o queijo pode sim fazer parte de uma dieta equilibrada de uma pessoa.

Porém, ele pode prejudicar os resultados de algumas dietas mais específicas, como as dietas de quem deseja definição corporal.

Então, se liga no tipo de queijo que você deve consumir de acordo com seu objetivo!

Os tipos de queijo que combinam (ou não) com seu objetivo na academia

Os queijos

É um alimento que contém lactose (o carboidrato do leite), que é quebrada pela enzima lactase galactose e glicose, que é enviada para o fígado.

No fígado, as enzimas hepáticas transformam a galactose em mais glicose. Com isso, há uma maior liberação de insulina.

Visto que os picos de insulina é inimigo de qualquer dieta que visa a definição muscular, os queijos podem sim atrapalhar quem tem esse objetivo.

Outro fator que pode dificultar a definição corporal é a quantidade de sódio encontrada nos queijos.

Portanto, se o seu objetivo é a definição muscular, deve optar por queijos com um menor teor de Sódio e Lactose.

Mas, se o seu objetivo é outro, você deve analisar os nutrientes relacionados à seu objetivo.

Por exemplo, se deseja perder peso e está seguindo uma dieta baixa em calorias, deve optar por queijos menos calóricos.

Já se você está seguindo uma dieta hiperproteica, sua atenção deve ser para a quantidade de proteína e assim por diante.

Ou seja, os queijos podem ser consumidos em uma dieta equilibrada e em dietas específicas, desde que as pessoas saibam fazer as escolhas corretas.

Veja as informações nutricionais de alguns queijos e entenda qual a melhor opção para você:

(observação: os valores abaixo são relativos à 100g do alimento)

Cottage

músculos - cottage

  • Calorias: 70 calorias
  • Carboidrato: 2,73g
  • Proteína: 12,4g
  • Gordura: 1,03g

O cottage é um dos queijos que contém menor quantidade de gordura e de calorias, podendo ser um grande aliado de dietas com controle de calorias e gordura, como as dietas para perda de peso.

Porém, também apresenta uma menor quantidade de proteína, quando comparado com outros queijos, como o parmesão e a mussarela.

Ricota

ricota

  • Calorias: 140 calorias
  • Carboidrato: 3,8g
  • Proteína: 12,6g
  • Gordura: 8,1g

A ricota também é bem-vinda na dieta de pessoas que desejam perder peso, pois apesar de conter mais calorias e gorduras quando comparadas ao cottage, apresenta uma menor quantidade em relação aos outros queijos.

A quantidade de proteína é similar a do cottage, porém também é menor em relação aos outros queijos. Além disso, a ricota apresenta uma quantidade baixa de Sódio.

Queijo minas frescal

Queijo Minas

  • Calorias: 264 calorias
  • Carboidrato: 3,2g
  • Proteína: 17,4g
  • Gordura: 20,2g

Por muito tempo foi considerado a melhor opção para dietas de perda de peso ou definição muscular.

Realmente, para essas dietas, ele é uma melhor opção quando comparado aos queijos que serão citados abaixo, porém, apesar de conter mais proteína, também apresenta mais gordura e calorias que a ricota e o cottage.

Parmesão

parmesão

  • Calorias: 450 calorias
  • Carboidrato: 1,7g
  • Proteína: 35,6g
  • Gordura: 33,5g

O parmesão é um dos queijos mais ricos em proteína e Cálcio (992 mg em 100g).

A proteína é um nutriente essencial e muito importante para quem treina, pois é essencial para o crescimento e recuperação muscular.

Assim como o Cálcio, que têm diversas funções no organismo e está envolvido no processo de contração muscular.

O problema é que apesar desses benefícios e outros nutrientes benéficos à saúde que o parmesão possui, ele contém um alto teor de gordura e Sódio, que podem atrapalhar definição corporal

O Sódio também está associado ao aumento da pressão arterial e doenças cardiovasculares.

Mussarela

mussarella

  • Calorias: 330 calorias
  • Carboidrato: 3g
  • Proteína: 22,6g
  • Gordura: 25,2g

A mussarela é um dos queijos mais consumidos e pode sim ser utilizado em uma alimentação saudável.

Possui uma boa quantidade de proteína e algumas vitaminas e minerais, com destaque à vitamina B12.

Porém, assim como o parmesão, a mussarela também possui uma quantidade elevada de Sódio e por isso seu consumo deve ser bem avaliado.

A mussarela também possui uma alta quantidade de gordura saturada (14,2g em 100g), mas essa quantidade não é influenciada pelo modo de consumo.

Ou seja, a mussarela in natura ou derretida têm quantidade de gordura similar.

Queijo Prato

queijo prato

  • Calorias: 360 calorias
  • Carboidrato: 1,9g
  • Proteína: 22,7g
  • Gordura: 29,1g

O queijo prato contém valores nutricionais parecidos com o da mussarela. Ou seja, contém uma boa quantidade de proteína, mas contém uma maior quantidade de gordura.

Além disso, apresenta uma alta quantidade de gordura saturada e de Sódio, que pode chegar à metade da recomendação diária em 100g do alimento.

Cheddar

Queijo Cheddar

  • Calorias: 403 calorias
  • Carboidrato: 1,29 g
  • Proteína: 24 g
  • Gordura: 33,1 g

É um dos tipos de queijos mais calóricos! O cheddar ainda contém alta quantidade de gordura e gordura saturada (21,1 g em 100 g) e Sódio (621 mg em 100 g).

As gorduras saturadas, também conhecidas como gorduras ruins, são aquelas que estão associadas com o desenvolvimento de doenças cardiovasculares.

Além disso, a alta quantidade de gordura e calorias favorece o ganho de peso, dificultando o controle e a perda de peso, bem como a definição corporal.

Esse artigo não substitui uma consulta e a orientação de um nutricionista.

Vale lembrar também que qualquer queijo pode fazer parte de uma dieta saudável equilibrada desde que sejam consumidos com moderação e dentro das necessidades nutricionais de cada um, porém uma melhor escolha faz a diferença nos seus resultados.

LEIA MAIS: 5 fatos importantes sobre o ovo que você provavelmente não sabe
LEIA MAIS: 9 hábitos que vão reduzir a sua ingestão de calorias ao longo do dia

Comentários