sementes 4

5 das melhores sementes para você incluir na sua alimentação

Saiba tudo sobre quais os tipos de sementes são as melhores escolhas para você incluir na sua alimentação, e manter o corpo em forma!

Sementes são diferentes dos grãos, mas ambas contém nutrientes e vitaminas importantes para sua alimentação, e por isso devem ser incluídas na sua dieta.

Mas o que exatamente são sementes? E qual a melhor maneira de consumi-las? 

Com certeza você já deve ter experimentado algumas delas, mas é sempre bom se informar para um melhor aproveitamento do alimento. 

Dentre as principais características nutricionais, as sementes possuem grandes concentrações de ômega 3, 6 e 9, gorduras boas, fibras, proteínas, fitoquímicos e outros nutrientes.

Confira abaixo uma lista com alguns tipos de semente que podem facilmente fazer parte da sua dieta!

5 das melhores sementes para você incluir na sua alimentação

1- Chia

sementes 2

A chia é considerada uma boa fonte proteica por possuir um alto teor de proteínas e aminoácidos essenciais, além de conter uma alta quantidade de fibra.

Esta semente é muito consumida por quem deseja perder peso, pois devido a alta quantidade de fibra e proteína, tem o poder de aumentar a sensação de saciedade, assim reduzindo o apetite.

Além disso, é rica em outros nutrientes, como vitaminas do complexo B, minerais (ferro, zinco, cálcio) e auxilia no controle e prevenção de algumas doenças, como diabetes, colesterol alto e outros.

Ela pode ser consumida com iogurtes, frutas, vitaminas batidas, entre outros. E também pode ser hidratada com algum líquido ou iogurte, assim fica com uma consistência mais firme porque ela absorve água e pode ser utilizada até para fazer algumas receitas.

2- Linhaça

sementes 3

Tanto a marrom quanto a dourada, a linhaça é recomendada para a prevenção da constipação, por ser rica em fibras alimentares, assim como também ajuda a controlar os níveis de açúcar no sangue.

Além disso, é a semente que mais contém ômega 3, ou seja, auxilia na redução dos riscos de doenças cardiovasculares.

A linhaça também pode ser uma aliada para as mulheres, pois tende a amenizar os sintomas da TPM e da menopausa, por conter aminoácidos essenciais que ajudam no controle de hormônios femininos.

Ela pode ser consumida com salada, frutas, iogurtes, ser utilizada em diversas receitas, como pães, biscoitos, etc. Além disso, ela pode ser encontrada inteira ou na forma de farinha.

3- Gergelim

sementes 5

Seja preto ou branco, cru ou cozido, o gergelim é uma semente versátil e muito nutritiva. É rico em proteínas, vitaminas do complexo B, minerais como ferro, cálcio, magnésio, e por isso atua no fortalecimento dos ossos e combate à anemia.

O gergelim ainda contém alta quantidade de fibra alimentar e propriedades anti-inflamatórias que podem auxiliar quem deseja perder peso.

Essa semente também pode ser utilizada em saladas, sopas, pães, carnes, assados, entre outros.

4- Semente de abóbora

sementes 6

Apesar de seu consumo ter aumentado, a semente de abóbora ainda não é muito consumida pelos brasileiros, apesar de ser um alimento muito nutritivo.

Rica em vitaminas e minerais, elas são tão ricas em nutrientes quanto a própria abóbora.

As sementes ainda são ricas em triptofano, um aminoácido essencial que atua na síntese de proteínas no organismo e também é responsável por regular o nosso humor e melhorar a qualidade do sono.

Essas sementes podem ser consumidas de diversas formas, seja assada, cozida, tostada e caramelizada ou até em forma de farinha para enriquecer pães, bolos e tortas.

5- Sementes de Girassol

sementes 7

As sementes de Girassol também ainda não são muito consumida, entretanto, são ricas em diversas vitaminas e minerais.

Como por exemplo a vitamina E, que garante uma boa saúde para pele e previne o envelhecimento das células, e ainda o magnésio, que atua no controle do colesterol e previne as doenças do coração.

Além disso, são ricas em antioxidantes, que neutralizam os radicais livres que podem causar diversas doenças, o envelhecimento precoce e atrapalhar o rendimento físico.

Elas podem ser consumidas em saladas, salada de frutas, vitaminas ou integradas às massas. São encontradas com  ou sem casca, cruas ou assadas, com ou sem sal, mas prefira as versões sem sal.

Outras sementes interessantes são as das frutas, como a da melancia, melão, uva e maracujá.

Seja para bater junto ao suco ou para acompanhar algumas saladas, essas sementes são ricas em fibras e outros nutrientes importantes para a saúde.

O consumo frequente de semente está aliada a uma alimentação mais saudável e funcional.

LEIA MAIS: Os 5 melhores alimentos para reduzir seu apetite
LEIA MAIS: Alto ou baixo índice glicêmico: como ele age no seu desempenho físico?

Comentários