câimbras

5 dicas de hábitos e alimentos que podem evitar as câimbras no treino

Praticantes frequentes de atividades físicas, principalmente quem gosta de correr, sofre muito com as câimbras. Veja essas dicas para amenizá-las!

Sofrer com câimbras faz parte da vida de qualquer pessoa, seja ela praticante de atividades físicas ou não.

Entretanto, para quem treina, sofrer com câimbras é terrível! E pode acontecer com mais frequência para quem pratica atividades físicas, e precisa repetir um exercício várias vezes.

Para você aprender a lidar melhor com ela, confira uma lista com alguns hábitos e alimentos que podem ajudar a prevenir!

5 dicas de hábitos e alimentos que podem evitar as câimbras no treino

câimbras 2

As câimbras, caracterizadas pela dor rápida e intensa, são causadas por contrações musculares involuntárias provocadas por diferentes razões e que podem se manifestar a qualquer momento.

Em geral, são causadas pela prática de esporte ou por determinadas atividades. Mas há também a câimbra noturna, que muitas vezes não tem causa aparente.

Pode ser sinal de alguma doença sistêmica – aquelas que afetam o nosso organismo – causando prejuízos em diversos aspectos. Por isso, a importância da consulta médica.

Mas algumas dicas podem te ajudar a prevenir e te ajudar a lidar com este incômodo que além de causar dor, pode atrapalhar seu treino.

1- Hidratação

câimbras 3

Quando os músculos estão bem-hidratados, eles se contraem e relaxam com mais facilidade, evitando a contração involuntária e consequentemente a câimbra.

Tome bastante líquido antes do treino e ao longo do dia também, para manter os músculos sempre hidratados.

2- Alongamento

câimbras 4

O alongamento – aquele exercício que muita gente deixa de lado –  quando feito antes e após a prática de exercício físico mais prolongada, também pode auxiliar na prevenção da câimbra.

Se as suas câimbras aparecem durante a noite, o ideal é fazer alguns alongamentos antes de deitar. Assim, você consegue um sono mais tranquilo e profundo, que é essencial para a recuperação muscular.

3- Alimentação

câimbras 5

As frutas e os vegetais devem estar presentes na sua alimentação. Estes alimentos são ricos em vitaminas e minerais que não só evitam a câimbra, mas também são importantes para as funções musculares e do organismo como um todo.

Para quem acredita que a banana previne câimbras, é verdade. Isso porque ela é fonte de Potássio. Mas também há outros alimentos que contém uma maior quantidade do mineral, confira aqui.

4- Alongamento e massagem

câimbras 6

Durante a câimbra, alongar e massagear a área afetada com movimentos circulares são técnicas fundamentais para promover o relaxamento da musculatura e alívio da dor.

Se as câimbras forem na perna, fique em pé e coloque o peso sobre a perna com câimbra, se não conseguir ficar em pé, sente-se, estique a perna e puxe os pés para trás com as mãos.

5- Temperatura

câimbras 7

O aumento da temperatura no local da câimbra também favorece o relaxamento da musculatura e com isso o alívio da dor.

Como dura pouco tempo, esta técnica não é muito utilizada, pois até aquecer a área, a câimbra já pode ter passado. De qualquer forma, pode ser uma técnica útil em caso de necessidade.

LEIA MAIS: Bebidas isotônicas: a reposição de nutrientes ideal para o seu corpo
LEIA MAIS: 5 melhores exercícios para aliviar a dor do nervo ciático

Comentários