whey protein tipos isolado concentrado hidrolisado

Isolado, concentrado ou hidrolisado: escolha o whey certo pro seu treino!

Existem três tipos de whey protein, e cada um possui características próprias. Saiba mais sobre as diferenças entre eles e escolha o melhor whey protein para você e o seu treino!

Tá a fim de tomar um suplemento pra ajudar a dar aquela inchada e crescer de verdade? Todo mundo que faz seu treino certinho quer obter resultados, mas é preciso balancear os exercícios com uma boa alimentação para que os músculos comecem a crescer.

Não tem nada melhor que o bom e velho whey protein para ajudar na missão, mas até mesmo o whey tem suas variedades específicas, que fazem com que todo mundo tenha que ficar de olho no tipo de proteína: hidrolisada, concentrada ou isolada.

Descubra quais as diferenças entre os três tipos de suplemento proteico e saiba qual é o ideal para te ajudar a ficar monstro como você sempre quis!

O que é o whey Protein

É a proteína extraída do soro do leite durante o processo de transformação do leite em queijo.

Ela tem alto valor biológico (VB), enquanto alimentos como peito de frango e ovos têm VB menor. Ou seja, ela é o melhor alimento para reposição de proteína no corpo do atleta.

Como o whey é extraído do soro do leite, que é aquele líquido esbranquiçado que se forma nos queijos minas e nas coalhadas, a sua composição é de mais de 90% de água.

Isso faz com que seja preciso passar por um processo que se chama microfiltração, que vai aumentar a concentração de proteínas do suplemento.

É nessa etapa que surgem o whey hidrolisado, o concentrado e o isolado. Se ligue nas diferenças:

As características do isolado

Esse é o tipo de whey que tem maior concentração de proteína (por isso é também o mais caro do mercado), porque passa por um processo de filtragem maior e mais apurado que os outros. Assim, a concentração de proteínas chega a 95%, com a menor quantidade de carboidratos possível.

Existem, inclusive, marcas que prometem 0% de carboidrato e gorduras. O whey protein isolado é o melhor para quem quer fazer dieta e treinar, principalmente por causa da baixa quantidade de açúcares e gorduras.

O whey concentrado

O whey concentrado é mais barato que o isolado por seu processo de filtragem ser mais simples, garantindo de 70 a 80% de proteínas e 30 a 20% de carboidratos e gorduras. Isso significa que o pote de whey concentrado possui aminoácidos como o BCAA e glutaminas.

Esses componentes são responsáveis por várias funções no nosso corpo e ajudam na resistência a doenças. Apesar de todos esses benefícios, o índice de calorias é maior por causa dos carboidratos e gorduras, o que faz com que a pessoa tenha que tomar cuidado com a quantidade que vai tomar.

Como funciona o whey hidrolisado

O processo de hidrólise, que dá o nome a esse tipo de whey, é a quebra das cadeias de proteínas em pedaços menores, uma ação que ajuda o corpo a absorver os componentes do suplemento.

Ele pode ser produzido a partir do isolado ou concentrado, sendo que quando é feito a partir deste último pode haver a presença de lactose — quem tem alergia ou intolerância deve tomar cuidado!

Tomar Whey ajuda muito nos treinos, e por isso é importante comprar um pote de uma marca confiável, para garantir que haja na mistura a quantidade ideal de nutrientes necessários. As melhores marcas oferecem as três variedades, tornando-se um suplemento completo para os treinos.

Agora que você já sabe as diferenças entre os tipos de whey, deixe aí nos comentários sua experiência com o uso do suplemento e qual o seu tipo e marca favoritos!

Comentários

 

Comments are closed.