mohit kumar

Mohit Kumar: inspiração no bodybuilding após vencer o câncer

Jovem bodybuilder teve de amputar uma perna por causa da doença, o que não o impediu de ir atrás de seu sonho e realizá-lo.

O bodybuilder Mohit Kumar tinha tudo para desistir de uma vida saudável. Teve uma doença gravíssima, sofreu uma amputação, seguida de outra… mas nada disso foi suficiente para parar o indiano.

Depois de enfrentar – e vencer! – um câncer, o jovem se tornou uma referência no bodybuilding local e hoje é inspiração para muita gente: conquistou diversos títulos, realizou feitos que muita gente sequer sonha em alcançar.

Quer saber mais sobre a a história do cara e ver tudo que ele fez para se tornar um mito do bodybuilding asiático? Então se liga:

Mohit Kumar: inspiração no bodybuilding após vencer o câncer

mohit kumar

A descoberta do câncer

Foi com 14 anos que Mohit Kumar foi diagnosticado com um câncer em sua coxa direita. Acabou hospitalizado depois de ter um colapso em sala de aula, quando sua coxa estava duas vezes maior que o tamanho normal.

Então, os médicos tiveram de amputar parte da perna do jovem garoto, inserindo uma haste. O problema é que tempos depois esta haste quebrou em um acidente de bicicleta e aí o jeito foi amputar a perna toda.

Nessas horas qualquer um poderia se abater, claro, mas uma pessoa mudaria a vida do futuro bodybuilder para sempre.

A inspiração

Quem inspirou Mohit Kumar foi a ex-jogadora de vôlei, e sua compatriota, Arunima Sinha, que se acidentou ao saltar de um trem em movimento para fugir de um assalto.

Por conta deste acontecimento, ela também teve de amputar a perna. O que não a desanimou, muito menos impediu de continuar sendo uma atleta.

Anos mais tarde ela viria a ser a primeira indiana com a perna amputada a escalar o Monte Everest.

O começo no bodybuilding

mohi kumar

Ver aquela história motivou Mohit, que se encontrava desmotivado e sem autoconfiança, permitindo que ele conhecesse o fisiculturismo.

“Eu vi que, se ela poderia escalar o Everest, eu poderia praticar esportes sem problema algum”, disse em entrevista.

Então Mohit passou a treinar, se dedicar a cuidar do corpo, pegar pesado e a competir.

Seu recorde pessoal no levantamento terra é de 120kg.

Ganhou diversas medalhas em competições de fisiculturismo. Foram três de ouro, duas de prata e duas de bronze.

Porém, sua meta agora é a competição mundial. Afinal, na Índia ele já “manda”.

“Meu sonho é grande, é uma jornada longa, mas estou trabalhando duro. Eu só queria apoio do governo, pois é um esporte muito caro”, desabafou em entrevista ao jornal The Quint.

Qual é a sua desculpa?

A história de Mohit Kumar é só mais uma para inspirar pessoas que acham que não conseguem superar seus limites, mas também para aquelas preguiçosas.

Não há desculpas. Quando se tem um objetivo definido em mente, o único obstáculo é você mesmo.

Pois só você quem irá dizer se vai chegar ou não ao objetivo. Se quer ou não.

Largue fora as desculpas. Estabeleça uma meta e supere-a!

LEIA MAIS: Garota supera a anorexia para se tornar uma powerlifter insana
LEIA MAIS: Aos 38 anos, atleta de strongman puxa ônibus de 12 toneladas e quebra recorde
LEIA MAIS: 12 dicas de saúde e alimentação pra melhorar seu desempenho na corrida

Comentários