diabetes exercícios hiit

Como o HIIT pode melhorar o metabolismo da glicose em diabéticos

A prática de atividades físicas é essencial para combater o diabetes, e agora um estudo mostrou como o HIIT pode ser a melhor opção para fazer isso.

Os treinos HIIT (Treino Intervalado de Alta Intensidade) não se tornaram populares por acaso. Centenas de estudos provaram sua eficácia no aumento da resistência cardiovascular, melhora na aptidão geral, e maior queima de gordura corporal – a gente já explicou bastante neste outro post.

Além disso, o fato de você ter a chance de fazer um treino eficiente gastando muito menos tempo – de 5 a 20 minutos, por exemplo – aumenta ainda mais a atratividade dos HIITs.

Mas agora há outra razão para gostar ainda mais dos HIITs: esse tipo de treino pode ajudar a combater o diabetes.

Quem é diabético sabe que uma das indicações para combater o problema e tentar baixar o nível de açúcar do sangue é a prática de exercícios, de preferência diariamente. Por isso, muitos diabéticos ou pré-diabéticos optam por fazer caminhadas.

Mas e se você puder fazer um exercício de poucos minutos e obter os mesmo resultados, ou até melhores? O HIIT dá essa possibilidade. Confira abaixo para entender:

Como o HIIT pode melhorar o metabolismo da glicose em diabéticos

diabetes glicemia exercicio

 

Um estudo da Universidade de Turku na Finlândia examinou os efeitos dos exercícios de treinos HIIT sobre a sensibilidade à insulina. Os pesquisadores reuniram homens em torno de 40 a 50 anos, saudáveis, sem nenhum risco de diabetes, e os fez participar de dois tipos exercícios:

  • Treinamento de Alta Intensidade
  • Treino Contínuo Moderado

Depois reuniram outro grupo de homens, estes diabético ou pré diabéticos (com alto índice de açúcar no sangue, mas não tanto a ponto de ser considerado Diabetes do Tipo 2), e os fez praticar os mesmos exercícios.

E os resultados?

Com apenas duas semanas de treinamento de alta intensidade (HIIT), os níveis de açúcar no sangue dos homens diabéticos e pré diabéticos tinham atingido os mesmos níveis do outro grupo de homens, que eram saudáveis ??e com níveis normais de açúcar no sangue.

Tanto a sensibilidade à insulina como o metabolismo da glicose melhoraram significativamente após apenas seis sessões de HIIT.

Para ser claro: o grupo que passou pelo Treinamento Contínuo Moderado viu uma redução significativa em seus níveis de glicose no sangue, assim como o grupo HIIT. No entanto, suas melhorias foram apenas metade comparada aos resultados que grupo de Treinamento de Alta Intensidade conseguiu alcançar.

A conclusão da pesquisa, portanto, destaca os efeitos benéficos do HIIT sobre o metabolismo da glicose, especialmente em diabéticos e pré diabéticos. Por isso, a prática de exercícios deve ser uma parte essencial no tratamento e prevenção do diabetes.

Entretanto, sempre é necessário lembrar que  se você tem diabetes, antes de iniciar qualquer série de exercícios, ou mudar sua rotina de treino é imprescindível consultar um médico. Só ele é capaz de indicar o melhor exercício para você!

Seja através do HIIT ou de qualquer outro tipo de treino o importante é não parar de se exercitar!

Comentários