mulher, chocolate

6 dicas para diminuir a vontade e o consumo de açúcar

Comer um mousse, um brigadeiro, aquele pudim. Uma delícia né? Quem não gosta de um açúcar?

É, mas ele em excesso faz mal, você já sabe disso. Ainda mais para quem treina, ele faz tão mal quanto a gordura.

Mesmo assim, sabemos o quão tentador e difícil é se desfazer deste hábito, para alguns um vício.

Mas quando se trata da nossa saúde, da busca pelo shape “perfeito”, é preciso abrir mão de algumas coisas.

E quando se trata do açúcar, você estará abrindo mão de uma coisa que, apesar do prazer momentâneo, causa um mal…

Enfim, sem nos alongarmos, queremos dar opções para vocês, compulsivos por açúcar, a diminuir este consumo e seguir firme na luta por bons resultados.

Saca só!

6 dicas para diminuir a vontade e o consumo de açúcar

1 – Mudança de paladar

O paladar se acostuma com a doçura dos alimentos e quanto mais doce você está acostumado a consumir, mais você quer.

Para reduzir a vontade de comer doce, você deve diminuir a quantidade de açúcar adicionado nos alimentos e até em receitas e também a quantidade de alimentos doces que consome ao longo do dia.

Você deve prestar atenção à quantidade de açúcar que está colocando em cada alimento ou bebida e reduzir gradativamente.

Isso faz com que você e seu paladar se acostumem a consumir os alimentos com um menor quantidade ou sem açúcar ao longo do tempo.

2 – Não aposte nos adoçantes

Adoçante

Engana-se quem acha que a melhor solução para a redução do açúcar é substituí-lo por adoçantes. Se você gosta de refrigerantes diet, dê uma lida neste texto que publicamos no site.

Apesar de não conter calorias e ser indicados à diabéticos, ele possui o mesmo sabor doce que o açúcar proporciona, não deixando que o organismo se acostume com bebidas e alimentos menos doce.

Com isso, fica mais difícil diminuir e se acostumar com alimentos menos doces.

Além disso, o uso exagerado de adoçantes podem até aumentar o apetite e a vontade de comer doce quando consumidos em excesso.

Logo, a melhor solução para diminuir a vontade de doces é reduzir a quantidade de açúcar e não substituir por substâncias capazes de adoçar os alimentos.

Mas, se você deseja perder peso e está nessa mudança, a melhor opção seria os adoçantes naturais, como stevia, com moderação é claro.

3 – Peça tudo sem açúcar

Quando você vai a um restaurante ou lanchonete e pede uma bebida que já vêm com açúcar, você não sabe qual foi a quantidade de açúcar colocado e muitas vezes é maior do que você mesmo colocaria.

Peça sempre sem açúcar e adicione aos poucos, até que fique agradável, mas sem exagerar. É claro que quanto menos melhor.

Além disso, preste atenção na quantidade de açúcar que está adicionando. Muitas vezes o colocamos no automático, sempre exagerando.

E ainda muitas vezes ele é adicionado em bebidas já doces, como o suco de laranja. 

Mas, como há o hábito de colocar açúcar em tudo, as pessoas acabam adoçando bebidas doces naturalmente.

4 – Diminua o consumo de alimentos industrializados

Os alimentos industrializados normalmente contém altas quantidades de açúcar, inclusive os salgados.

Por exemplo, o pão de forma é um alimento que geralmente possui em sua composição.

Por mais que você não perceba o sabor doce no alimento, ele fará o mesmo mal à saúde, bem como colabora para o aumento da ingestão e vontade de comer doces.

Sempre leia atentamente os rótulos para certificar-se que aquele alimento não contém ou contém baixas quantidades de açúcar, ou seja, ele não deve estar presente na lista de ingredientes.

Ou então deve estar no final dela, uma vez que os ingredientes aparecem em ordem de quantidade – da maior para a menor.

5 – Não o utilize como recompensa

O doce está associado ao bem-estar e prazer, pois quando uma pessoa come um doce, aumenta essas sensações.

O problema é que, além do açúcar fazer mal, isso faz com que a pessoa utilize o doce para melhorar o humor, a felicidade e o utiliza para diminuir algumas frustrações.

Quando isso acontece, a pessoa acaba exagerando no consumo dos alimentos doces.

Com isso, ela sente que cada vez mais precisa mais desses alimentos.

Isso acaba virando um ciclo vicioso, e a pessoa acaba descontando tudo no doce.

Ainda por cima cria o hábito em consumir doces em determinados horários, aumentando seu consumo diário.

6 – Não fique com fome

 

Quando uma pessoa fica muito tempo sem comer, a fome aparece principalmente pela redução da glicemia.

Com a redução da glicemia, o corpo aumenta o apetite, principalmente, por alimentos de rápida absorção, como os carboidratos simples e os doces. 

Ou seja, a vontade por doces aumenta.

Se você manter a glicemia equilibrada e comer em horários corretos, você evita o aumento do apetite por doces.

 

 

LEIA MAIS: Açúcar: 3 maneiras de substituí-lo na sua alimentação
LEIA MAIS: 9 hábitos que vão reduzir a sua ingestão de calorias ao longo do dia

Comentários