micro-ondas

9 dicas para fazer do micro-ondas o melhor amigo da sua dieta

Saiba como aproveitar ao máximo o seu micro-ondas e faça com que ele te ajude a manter uma dieta equilibrada facilmente

Se você leva sua alimentação a sério, sabe que comer em casa é a melhor forma de evitar roubadas e alimentos pouco saudáveis. E, na cozinha de casa, nenhum equipamento é tão versátil e útil quanto o forno de micro-ondas.

É claro que ele não é o único. A gente até já mostrou aqui no Feito de Iridium o quanto uma grelha pode te ajudar. Mas o micro-ondas é muito mais completo.

Nele, você pode preparar e esquentar não apenas alimentos sólidos como também líquidos (sopas, chás, etc) e até compressas para tratar lesões. Dá pra fazer chips, amadurecer abacates, requentar a sobra do almoço de ontem e muito, muito mais.

Você ainda desconfia do quanto um micro-ondas pode te ajudar a se alimentar bem? Então se liga nas dicas abaixo.

9 dicas para fazer do micro-ondas o melhor amigo da sua dieta

1- Potes redondos

Dê preferência para os potes redondos ao invés dos quadrados ou retangulares quando for esquentar ou preparar alguma coisa no micro-ondas.

Por causa do formato, ele proporciona um aquecimento mais uniforme. Nos potes quadrados, os cantos recebem maior energia, cozinhando mais rápido nesses lugares.

LEIA MAIS: 12 alimentos que parecem saudáveis, mas podem arruinar sua dieta 
LEIA MAIS: 7 dicas de alimentação para quem está começando a treinar 
LEIA MAIS:5 alimentos funcionais capazes de melhorar o seu desempenho físico

2- Embalagem adequada

Tenha em casa algumas embalagens específicas para uso em fornos de micro-ondas. De forma geral, potes de vidro, cerâmica e silicone são boas opções – nunca use plásticos como melamina e poliestireno.

Isso é importante porque potes inadequados tendem a liberar produtos químicos terríveis diretamente na sua comida – como o BPA. Além disso, potes de ou com metal podem comprometer o equipamento.

Uma maneira simples de descobrir se o pote é adequado para uso no micro-ondas é com um teste simples: coloque o pote vazio e um copo com água dentro do micro-ondas. Ligue por um minuto em potência alta.

Após esse tempo, se o copo com água estiver quente e o pote vazio, ele é perfeito para micro-ondas. Se o pote vazio esquentar, isso significa que absorve micro-ondas e, assim, não é adequado para utilização neste tipo de forno.

Mas preste atenção: este experimento nunca deve ser feito com o recipiente vazio sem um copo d’água do lado.

3- Receita como base

micro-ondas - potencia

Não siga as receitas ao pé da letra no que diz respeito ao tempo em que o alimento deve ficar no micro-ondas.

A potência dos micro-ondas varia muito de acordo com marca, modelo, rede elétrica e outras questões. Por isso, o tempo descrito na receita deve ser apenas uma base, que você deve adequar ao seu equipamento.

4- Chips crocante

Como o micro-ondas “retira” a água dos alimentos para esquentá-los, você pode usar a ciência a seu favor e fazer chips de frutas e vegetais de forma fácil.

Assim você tem um petisco ou acompanhamento saudável (pois não usa gordura para fritar), gostoso e ridiculamente fácil de fazer.

Já pensou em levar chips de batata-doce para o trabalho?

5- Use a tampa

O fato de tirar água dos alimentos pode ser usado a seu favor, como no caso acima, mas também pode ser um problema, deixando a comida ressecada.

Uma forma de reter a umidade e evitar que isso acontece é levando os alimentos em um recipiente parcialmente fechado ao micro-ondas.

Não feche totalmente, para circular o ar, mas deixe a tampa do pote apoiada, ou use plástico filme, deixando apenas uma pontinha aberta.

6- Requente com cuidado

Se você é adepto da prática de almoçar as sobras de ontem (e esperamos que seja, porque desperdiçar comida é o fim do mundo), tome cuidado para o micro-ondas não estragar tudo.

Quando a ideia é apenas esquentar, e não cozinhar, a potência precisa ser bem mais fraca, para evitar passar do ponto.

A maioria das pessoas nunca mexeu no controle de potência do micro-ondas, mas acredite: essa função existe por uma boa razão.

7- Prepare frutas

abacate

Achou bizarro? Mas é isso mesmo: o micro-ondas pode te ajudar até a consumir frutas!

Quer um exemplo? Coloque um limão no micro-ondas, em potência média, por 10 a 15 segundos, e veja como fica muito mais fácil tirar o suco!

Tem mais: o abacate está muito verde e você não aguenta esperar para comer? Faça furinhos por toda a superfície da fruta (na casca), embrulhe em um papel toalha e coloque de 30 em 30 segundos no micro-ondas até chegar no ponto.

8- Prepare legumes e verduras

É muito mais fácil e prático preparar verduras e legumes no micro-ondas, como mostra a tabela acima. Além disso, eles não perdem nutrientes como acontece quando são cozidos na água (no fogão).

Assim, você consegue incluir cada vez mais esse tipo de alimento na sua dieta.

9- Compressas quentes

As bolsas quentes são ótimas para aliviar dores musculares e afins. Se você treina pesado, provavelmente já esquentou aquelas bolsas de gel no fogão, ou comprou aqueles emplastros caríssimos que esquentam, para aliviar dores pós-treino ou lesões.

Mas você sabia que dá para fazer isso no forno micro-ondas? É só esquentar uma toalha molhada durante um minuto, e pronto. A toalha quente também é uma boa para aliviar dor de cabeça e cólicas.

Só cuidado para não deixar a toalha por mais tempo do que isso, ou você pode se queimar.

Comentários