8 curiosidades sobre os carboidratos que você provavelmente nunca imaginou

Carboidratos não são o vilão do corpo perfeito como muita gente imagina. Mas existem outros fatos curiosos sobre o assunto que você provavelmente não sabe

Muita gente vê os carboidratos como os grandes vilões da alimentação saudável – a quantidade de pessoas que fazem dietas “low-carb” não nos deixam mentir.

Só que será mesmo que isso é verdade? Será que, de fato, os carboidratos são o grande obstáculo para quem tem dificuldade em perder peso (e/ou facilidade em ganhar)?

A resposta é não. E não apenas os carboidratos não são o principal culpado pelo sobrepeso, como eles são fundamentais até para quem quer emagrecer.

Isso não significa que você deve se entupir de carboidratos, tampouco que as dietas “low-carb” sejam inúteis – ao contrário, em alguns casos específicos, determinados por um nutricionista, elas têm sua utilidade.

O ponto é que os carboidratos são importantes e, se você quer uma alimentação equilibrada, saudável, e que te ajude a ter ganhos e resultados significativos na academia, precisa estar na sua dieta.

Quer conhecer algumas informações relevantes e curiosas sobre os carboidratos que a maioria das pessoas desconhece? Então se liga:

8 curiosidades sobre os carboidratos que você provavelmente nunca imaginou

carboidratos - pão

1- Química

O carboidrato, é conhecido na química pela sigla CH20, o que mostra que ele é composto por carbono, oxigênio e moléculas de hidrogênio. É considerado uma fonte de energia para o corpo e contém 4 calorias por grama (gorduras contêm 9).

2- Simples e complexos

Os carboidratos podem ser simples ou complexos. Os carboidratos simples (farinha refinada e seus produtos, açúcar refinado, arroz branco, etc.) são digeridos e absorvidos rapidamente e causam um pico de energia.

Já os complexos (grãos e cereais integrais, batata-doce, aveia, etc.) são absorvidos mais lentamente e fornecem energia de forma mais constante, por mais tempo – sem o pico dos carbs simples.

batata-doce carbs carboidrato complexo

3- Ganho de peso

Carboidratos não fazem você necessariamente ganhar peso. É a ingestão de mais calorias do que o seu corpo utiliza que vai causar isso – e essas calorias podem vir de qualquer alimento, não apenas carbs.

4- Olha o gáááás!

As fibras são carboidratos complexos que o corpo não consegue digerir e que melhoram o funcionamento do sistema intestinal – o que é ótimo. Mas elas também podem causar um aumento dos gases.

Não se preocupe, você não vai peidar o dia todo e os gases vão te ajudar a ir no banheiro com maior frequência e regularidade.

carboidratos - macarrão

5- O Ocidente pode estar equivocado

Um estudo com 80.000 japoneses que seguem a dieta recomendada no país, que prevê o consumo de muito carboidrato e pouca gordura, mostrou que eles têm 15% menos chances de morrer de doenças cardíacas, derrames e várias outras. 

Além disso, é importante lembrar: o Japão – onde as pessoas comem bastante carboidrato – tem a segundo maior taxa de expectativa de vida do mundo, de 83 anos.

6- Carboidrato pode te fazer feliz

Um estudo publicado no Archives of Internal Medicine mostrou que pessoas que fazem dietas com restrição de carboidratos estão mais propensas à problemas como depressão, ansiedade e raiva do que aqueles em uma dieta rica em carboidratos e pobre em gordura.

carboidratos - arroz

7- Saúde forte

Estudo publicado no Jornal de Fisiologia Aplicada relevou que o consumo de carboidratos durante ou logo após treinamentos intensos pode ajudar a impedir gripes e resfriados. 

Segundo o estudo, comer de 30 a 50 gramas de carboidratos ajuda a fortalecer o sistema imunológico!

8- Low-carb ou Low-fat?

A discussão sobre qual dieta é melhor – se a que restringe carboidrato ou a que restringe gordura – vem de anos. Mas o National Institute of Health tem um veredito.

Em 2015, um estudo com 1.797 pessoas obesas testou as duas dietas. Na dieta Low-carb, as pessoas perderam 245 gramas, em média. Na dieta com baixa ingestão de gordura, perderam 463 gramas. 

É claro que as curiosidades acima não justificam que você se entupa de carboidratos ao longo do dia. O ponto é que eles não são os vilões que muita gente imagina, e precisam estar na sua alimentação.

A quantidade você tem que descobrir conversando com um nutricionista. 😉

Comentários