boeing day marcos mohai aviao

Boeing Day: atleta aceita desafio e puxa avião de 58 toneladas no braço

Conhece a expressão ‘puxar ferro’, né?! A Iridium Labs e o strongman Marcos Mohai decidiram levá-la ao pé da letra com o Boeing Day. Veja como foi!

Você acha incrível alguém que levanta 200 kg no supino? Então se liga nessa: o hexacampeão brasileiro de strongman Marcos Mohai topou o desafio da Iridium Labs para puxar um Boeing 737-200.

É a expressão “puxar ferro” levada ao pé da letra – e elevada ao quadrado (ou mais).

A tarefa não era nada fácil: a aeronave usada no desafio, apesar de “aposentada”, estava completa, com todos os assentos e equipamentos, com um peso total de 58 toneladas

O maior desafio da carreira de Mohai consistia em tracionar o avião usando apenas a força do seu corpo, movendo-o pela maior distância possível.

“Já movi várias estruturas. Já puxei carreta, carros, ônibus, e queria chegar em algo extremo, com dificuldade maior, volume maior, para as pessoas entenderem que não existem limites – os limites estão na sua mente!”, disse.

O sonho de puxar um avião era antigo – o convite da Iridium Labs para o ‘Boeing Day’ veio em boa hora! – e Mohai já se preparava para ele há bastante tempo:

“Vinha me preparando há dois anos para puxar um avião. Tive que aumentar em 16kg o meu peso corporal para fisicamente conseguir mover uma estrutura desta altura. Fiz uma dieta mais calórica, treinamentos de força explosiva mais centrado… cheguei a fazer leg-press com 1,2 tonelada, que é mais ou menos a pressão exercida no joelho neste tipo de desafio. Estava focado neste objetivo há algum tempo”.

O resultado de tanta preparação – e de tanto esforço! – está no vídeo abaixo.

Quer ver como foi o Boeing Day? Confira abaixo!

Comentários