Alseny & Sekou

Alseny e Sakou: os gigantes que só fazem exercícios de peso corporal

Alseny e Sakou nunca puxaram ferro na vida, mas têm músculos de fazer inveja à muito bodybuilder. Conheça a história desses dois monstros!

Se você acha que só dá para ter músculos gigantes e definidos se você puxar ferro, está muito enganado. Aliás, tem gente que chega lá sem nunca ter puxado ferro na vida, como os africanos Alseny e Sekou.

Os monstros da Guiné, país no oeste da África, só fazem exercícios de peso corporal e raramente treinam em academias – a maioria dos treinamentos de ambos são ao ar livre. Mesmo assim, são dois monstros que, além de gigantescos, têm uma força impressionante.

A dupla começou a treinar movimentos funcionais e de calistenia ainda criança – e sem saber exatamente o que estavam fazendo. Os dois ficaram famosos quando começaram a fazer parte do Cavalia Odysseo, circo acrobático que os deu a oportunidade de viajar o mundo.

Tanto Alseny quanto Sekou mostram imensa habilidade em manobras de calistenia e ginástica artística, mas o que chama a atenção mesmo é fazer tudo isso com o porte físico que possuem.

Nos EUA, para onde viajaram com o circo, ganharam notoriedade em academias ao ar livre nas praias da Califórnia, tanto por seus shapes insanos, típicos de bodybuilders, quanto pelo fato de não fazerem nenhum exercício de musculação.

Alseny também ficou famoso por participar de um vídeo com Kali Muscle, um dos bodybuilders amadores mais famosos do mundo, e dar uma canseira nele com seu treino de peso corporal – como você pode ver abaixo.

LEIA MAIS: Conheça o monstro ganês que treina numa academia improvisada 
LEIA MAIS: Zack Ruhl: o gigante sem pernas que levanta 215 kg no supino 
LEIA MAIS: Aos 18 anos, recordista mundial faz agachamento com quase meia tonelada

Os dois também gravaram uma entrevista onde contam suas histórias e dão detalhes dos seus treinos e da alimentação – à base de muito arroz, peixe e frango.

O papo é em inglês mas, mesmo se você não puder entender (infelizmente não há opções de legenda), vale a pena assistir as imagens dos monstros em ação.

A história dos dois, além de ótima fonte de inspiração, serve para quebrar alguns paradigmas – como o de que todo gigante toma anabolizante, ou que só a musculação “tradicional” pode desenvolver seus músculos.

É evidente que nem todo mundo tem a genética de Alseny ou Sekou e que não é fácil crescer assim sem entrar numa academia, mas não deixa de ser um exemplo.

Você já conhecia esses dois monstros?

Alseny

Sekou 

Comentários