churrasco

8 alimentos de um churrasco que não são indicados para quem treina

Para fazer um churrasco não há tempo ruim, principalmente em final de ano, mas é preciso tomar cuidado com alguns alimentos

Não importa a época, o tempo, o churrasco é sempre bem-vindo. 

Ainda mais agora, final de ano, quando acontecem diversas confraternizações.

Só que o que comer em um churrasco?

Pois os pratos servidos em um churrasco variam bastante.

Enquanto uns servem apenas carnes, outros fazem diversos pratos que vão desde salada até tortas e doces.

A variedade pode fazer você escolher os alimentos errados, errar na combinação deles ou pior: fazer você exagerar.

E isso pode – e vai – atrapalhar sua dieta e ganhos com a musculação.

Para evitar que isso aconteça, você precisa saber quais são os piores alimentos servidos nos churrasco, em relação a saúde e a estética.

Saca só:

8 alimentos de um churrasco que não são indicados para quem treina

1. Tipos de carnes

picanha

Calma, você não precisa fazer um churrasco sem carne! Mas, você deve saber quais são as melhores opções de carnes e priorizá-las.

As carnes mais comuns de um churrasco são: carne vermelha, frango e com uma menor frequência o peixe.

A composição nutricional das carnes vermelhas variam muito de acordo com o corte (você vai ver as principais diferenças no próximo item), mas em geral as carnes vermelhas contém uma alta quantidade de proteína.

Essa diferença da composição também é válida para o frango, mas, de qualquer forma, é uma boa opção.

Isso porque contém elevado teor de proteína e quando é feito na churrasqueira não é adicionada de calorias, como acontece em frituras.

O peixe, geralmente, é o tipo de carne que contém mais proteína e menos gordura, sendo uma excelente opção para quem deseja emagrecer ou definir.

Cortes de carnes

Como mencionado acima, os diferentes cortes para as carnes modificam os teores de nutrientes presente em cada uma e a escolha da melhor opção deve ser feita de acordo com o seu objetivo.

Aqui, você vai ver as piores opções de cortes de carnes vermelhas e frango para quem deseja emagrecer, definir e/ou está em uma dieta mais restritiva em gordura.

Ou seja, você vai ver os exemplos das carnes com maior teor de gordura e/ou menor teor de proteína.

O frango é sempre visto como uma melhor opção em relação a carne vermelha, mas a asinha que normalmente é servida nos churrasco pode conter um elevado teor de gordura – 15g aproximadamente.

Este valor é bem superior quando comparado a outros cortes de frango, como o peito de frango.

O coração de frango também contém um elevado teor de gordura – cerca de 12g por 100g.

Em relação às carnes vermelhas, as mais comuns com maior quantidade de gordura são o cupim com 23g de gordura, a fraldinha com 26g e a picanha com aproximadamente 20g.

Logo, se seu objetivo é reduzir o consumo de gordura, essas não as melhores opções.

Mas, vale lembrar que elas contém boa quantidade de proteína também.

Os valores citados são para 100g do alimentos pronto para consumo com gordura.

Se você tirar aquela gordura aparente, você reduz a ingestão de gordura e, consequentemente, aumenta o consumo de proteína.

2. Queijo coalho

queijo coalho

O queijo coalho é visto como uma boa opção, pois muitos acreditam que tem pouca gordura e boa quantidade de proteína.

Realmente ele contém uma boa quantidade de proteína, mas também contém uma quantidade bem alta de gordura e, principalmente, gordura saturada.

Por isso, também é um alimento rico em calorias. 

Um espeto de queijo coalho, contém aproximadamente: 210 calorias, 14,5g de proteína, 15 de gordura total, 6,9 de gordura saturada.

Ou seja, como mencionado acima, contém muita gordura para pouca proteína.

Além disso, esses queijos possuem uma alta quantidade de Sódio.

Um espeto pode chegar a quase metade da quantidade de Sódio que você deve ingerir por dia.

3. Pão

pão francês

Não pode faltar pão no churrasco, né? Seja para comer com a carne ou até com o vinagrete.

Comer um pãozinho não vai acabar com a sua dieta, mas o grande problema é que os pães são consumidos ao longo do churrasco sem mesmo que a pessoa perceba.

Assim, no final do churrasco é comum as pessoas comerem 2, 3 pães mais o arroz, o vinagrete, a maionese, o pão de alho, etc.

Com isso, há uma alta ingestão de carboidrato e calorias, que podem influenciar nos seus resultados.

4. Maionese

maionese

A maionese do churrasco é a combinação da maionese comum com batata, cenoura, vagem, ervilha e/ou outros legumes.

Este prato geralmente contém alto número de calorias, pois combina diversos alimentos mais uma grande quantidade de maionese.

Isso não quer dizer que ela é proibida e/ou que faz mal para a saúde, mas deve ser consumida com moderação, para evitar uma alta ingestão de calorias.

5. Molhos

molho barbecue

Cuidado com os molhos! Evite aqueles industrializados que são cheios de açúcar, sódio e outros aditivos químicos.

Alguns exemplos: ketchup, mostarda, barbecue comuns.

Estes molho é claro que deixam a comida mais saborosa, mas também as deixam mais calóricas e menos saudáveis.

Hoje, já possível encontrar no mercado esses molhos mais naturais, sendo melhores opções.

Além disso, alguns molhos naturais, como pimenta, alho, etc. também dão um sabor especial nas carnes e são opções saudáveis e menos calóricas.

6. Pão de alho

pão de alho

O pão de alho é rico em carboidrato e gordura, logo é um dos piores alimentos para seu churrasco, se você se preocupa com a saúde, emagrecimento e/ou definição muscular.

Evite consumir o pão de alho, principalmente, se você não abre mão de comer os outros pratos, além da carne, nos churrascos.

Consumir este alimento pode aumentar e muito a ingestão de calorias, gordura e carboidrato.

Principalmente, quando combinados com os outros alimentos ricos nesses nutrientes, como mencionado anteriormente.

7. Embutidos

Linguiça

Os embutidos mais comuns nos churrasco são as linguiças e as salsichas, apesar da última não ser muito consumida nos churrascos no Brasil.

O grande problema das linguiças é a quantidade de gordura que essas têm.

Além disso, se você deixa de consumir a carne para comer esses embutidos, você acaba ingerindo uma proporção muito maior de gordura em relação a quantidade de proteína.

Logo, evite ao máximo esses alimentos no churrasco.

8. Farofas

Muita atenção com as farofas, pois muitas são regadas de óleo, gordura e também contém muitos embutidos.

Essas farofas, portanto, possuem uma alta quantidade de calorias e gorduras e devem ser evitadas.

As farofas prontas ainda contém uma alta quantidade de Sódio.

Há opções de farofas mais saudáveis e já é possível encontrar farofas low-carb e/ou proteicas no mercado.

Com essas informações, você já pode perceber quais alimentos você deve evitar e/ou moderar nos churrascos.

Além disso, os alimentos não devem ser vistos de forma isolado!

Você deve avaliar a combinação deles. Ou seja, você pode consumir o que você quiser, desde que haja moderação e equilíbrio.

Uma outra dica para evitar sair da dieta e consumir muita gordura nos churrasco, é preparar um prato com as melhores opções de alimentos, assim você já reduz o apetite e evita ficar petiscando.

Além disso, combine os alimentos certos para evitar uma alta ingestão de carboidratos ou gordura.

Por exemplo, opte pelo pão de alho, pão francês ou o arroz. Escolhendo um deles, você já evita ingerir uma maior quantidade de carboidrato.

Seria melhor ainda se você optasse pelo milho, que também é fonte de fibra e muito nutritivo.

É claro que tudo em excesso faz mal, então não exagere e atenda às suas necessidades nutricionais sem exageros.

 
 

Comentários