leg press x agachamento

Agachamento X Leg Press: qual dos dois exercícios escolher?

Existem alguns exercícios que são unanimidades em eficiência e em popularidade. Agachamento e leg press são bons exemplos. Mas qual deles escolher?

Existem alguns exercícios que são unanimidades – tanto em eficiência quanto em popularidade. Agachamento e leg press são bons exemplos. Mas qual dos dois é mais eficiente?

Não é fácil dizer que um exercício é melhor do que outro, porque isso varia de pessoa para pessoa, de acordo com aptidões físicas, objetivos e várias outras coisas. Mas dá, sim, para comparar. E, com essa comparação, talvez você consiga escolher o melhor para você!

A “disputa” entre agachamento e leg press, inclusive, é bem comum, porque ambos têm movimentos parecidos e, em geral, só há espaço para um deles no treino – apesar que, se você tiver a possibilidade, fazer os dois não tem nenhum problema, pelo contrário!

Mas, considerando que você tem que escolher um ou outro: você conseguiria tomar a melhor decisão?

O personal trainer Fabio Pasetto (034971-G/SP) decidiu comparar alguns pontos dos dois exercícios para você ter o embasamento necessário para uma escolha correta. Se liga:

Agachamento X Leg Press: qual dos dois exercícios escolher?

Carga

exercicios-que-nao-farao-falta-leg-press

Segundo o site Powerlift Watch, o recorde mundial equipado do agachamento é de 575 kg. No Leg press, Ronnie Coleman já fez oito repetições com mais de uma tonelada de carga – dá pra assistir aqui.

Vantagem do Leg Press? Não necessariamente. Como o leg press tem uma força de arrasto gerada pela máquina, do ponto de vista da física, ele leva uma vantagem mecânica. Assim, o peso colocado no aparelho não corresponde ao peso real levantado pelo atleta – por isso a diferença tão grande entre um e outro à primeira vista.

Existe uma fórmula para calcular a resistência real em quilos do Leg Press, pouco utilizada por atletas e treinadores, muito porque existem vários outros fatores que influenciam no cálculo. De qualquer forma, apesar de não ser uma verdade absoluta, é uma referência mais próxima da realidade, e por isso achamos importante citar aqui.

No caso do recorde do Coleman, foram 1.000 kg levantados no Leg Press, enquanto o recorde do agachamento, do finlandês Jonas Rantenen, foram 575 kg.

Formula: F = kg (sen 45)

Na qual F = Força gerada, kg = peso e sen 45 significa o ângulo da força gerada em relação a gravidade.

Portanto:
F = 1000 (sen 45)
F = 1000 (0,707)
F = 707 kg de resistência

Assim, Ronnie Coleman na verdade levantou 707 kg. O que é muito mais do que os 575 kg levantados pelo finlandês no agachamento.

Ou seja, de fato, é possível levantar cargas muito maiores no Leg Press.

Vencedor: Leg Press

Estresse

agachamento 8

Existem outros fatores a serem considerados em um exercício além da carga, claro. O estresse gerado sobre o corpo todo é um deles.

E aqui há uma diferença gritante entre os dois exercícios. No agachamento, a carga é sustentada por todo o corpo, uma vez que a barra está sobre as costas.

Já no Leg Press apenas as pernas e quadris fazem esse trabalho.

Portanto a musculatura das costas, do trapézio, deltoide, e principalmente as regiões lombar e do abdômen sofrem uma contração isométrica incrivelmente intensa para resistir ao peso. E esse benefício o Leg Press não oferece

Vencedor: agachamento

Sistema nervoso central

agachamento 7

O impacto do estresse sobre o corpo todo no agachamento gera um estímulo para sistema nervoso central.

Apesar do senso comum acreditar que levantar mais peso sobrecarrega o músculo e isso vai te fazer crescer, na realidade a ciência prova justamente o contrário, que o efeito é do sistema nervoso central, ou seja, quanto maior a carga recrutada por muitos grupos musculares, maior a ativação do sistema nervoso central.

Sistema nervoso ativado significa que seu sistema endócrino ligará seus motores também, gerando um efeito ótimo no processo de construção muscular. Ou seja, mais hipertrofia!

Como vimos acima, o agachamento recruta mais músculos do que o Leg Press.

Vencedor: Agachamento

Técnica de execução

perna - leg press

Até alguém que nunca foi à academia pode fazer um leg press no primeiro dia, somente com algumas instruções do professor.

Em contrapartida, o agachamento é um movimento que exige um pouco mais de técnica.

Não deveria, já que é um movimento que quase todo mundo “nasce fazendo”. Nasce, não… mas faz desde muito pequeno.

Apesar de fazer o movimento de agachamento desde bebê, as pessoas acabam perdendo essa “técnica”, e depois encontram certa dificuldade em realizá-la adequadamente – o que torna o agachamento um exercício um pouco complicado.

Isso ainda tem um peso maior, já que a execução adequada é essencial para evitar lesões e fazer o exercício render tudo que pode.

Ao mesmo tempo, por ser realizado na máquina, o Leg Press não tem absolutamente nenhuma dificuldade em sua realização.

Vencedor: Leg Press

Conclusão

No nosso duelo, o placar final foi 2 a 2, já que cada exercício venceu duas categorias. No entanto, as categorias vencidas pelo agachamento têm maior relevância quando o assunto é hipertrofia.

Isso não significa que ele seja um exercício melhor do que o Leg Press, apenas que, se você tiver que escolher um dos dois, e seu objetivo é crescer, ele leva ligeira vantagem.

Mas é importante lembrar: você pode incorporar ambos no seu treino!

Se isso não for possível, então opte pelo Agachamento. Aqui no Feito de Iridium, a gente até já fez um post sobre exercícios que não fazem falta no seu treino – o Leg Press era um deles, e não porque é um exercício ruim (muito pelo contrário), mas porque o agachamento pode substituí-lo e ainda oferecer algumas vantagens, como mostramos aqui.

Ao mesmo tempo, isso não significa que se você fizer Leg Press ao invés de agachamento, por qualquer motivo que seja, seu treino será pior. O Leg Press é sim muito eficiente!

E o mais importante: independentemente de qual exercício você decidir fazer – seja Leg Press ou Agachamento – é importante que fazer uma boa amplitude de movimento.

Se você tem alguma lesão e não consegue dar mais amplitude, dê um passo atrás, trabalhe em cima de sua lesão com um fisioterapeuta e melhore sua amplitude de movimento.

Isso vai te dar muito mais qualidade de movimento, o que certamente potencializará seus resultados.

 

Comentários