regras veladas academia - espelho halteres

6 regras veladas que muita gente ignora nas academias

Seguir as regras da academia – tanto as explícitas quanto as implícitas – é essencial para um ambiente agradável. Faça sua parte.

É até triste escrever sobre isso, mas não tem jeito… visite qualquer academia de uma grande cidade brasileira e você vai ver que sim, esse assunto ainda precisa ser discutido – estamos falando das regras de convivência na academia.

E não exatamente daquelas regras básicas que todas as academias listam e colocam na parede – “jogue o lixo no lixo”, “limpe o banco suado”, etc. – mas sim das regras implícitas – aquelas que não estão escritas em lugar nenhum, mas todo mundo deveria saber que elas existem.

São coisas primárias, que qualquer pessoa com idade para se matricular numa academia deveria saber – mas, infelizmente, muitas não sabem (ou fingem desconhecer).

Então, para facilitar as coisas, decidimos listar 6 dessas regras das academias que todo mundo deveria cumprir.

Se você já faz a sua parte, lembre delas para cobrar dos outros e, assim, tornar as academias um espaço mais agradável para todo mundo.

Se liga:

6 regras veladas que muita gente ignora nas academias

1- Guarde os equipamentos

regras - guardar halteres

Seus pais não te ensinaram que “depois de usar algum objeto, você deve guardá-lo onde o encontrou”? Pelamordedeus.

Terminou uma série com halteres? Devolva-os para o rack. Isso é o mínimo que você pode fazer. E vale para todos que treinam na academia, do Mr. Olympia (ou daquele que se acha o Mr. Olympia) ao mais iniciante dos atletas.

Qualquer pessoa com um mínimo de noção e bom senso sabe que não dá trabalho nenhum devolver os halteres para o lugar onde eles devem ficar. E muito provavelmente essa pessoa vai fazer isso antes da próxima pessoa querer usá-lo.

Fazer os outros ficarem andando pela academia procurando os halteres que você usou é o cúmulo da preguiça e da falta de vergonha na cara.

E, inclusive, vale para todos os outros equipamentos e acessórios também: barras, presilhas, anilhas, correntes, elásticos e tudo mais que pertencer à academia e não à você.

2- Trate a academia como se fosse sua casa

Você cospe no chão da sua sala? Não, né? Então por que você faria isso na academia (ou em qualquer outro lugar)?

Você dá a descarga quando usa o banheiro da sua casa? É óbvio que sim, certo? Então por que maldição você acha que é aceitável deixar um “presentinho” pro pobre coitado que vai usar o banheiro da academia depois de você?

É bem verdade que as academias têm funcionários para manter o ambiente limpo, mas essas pessoas não conseguem controlar tudo e todos.

Se você fizer coisas como as que falamos acima ou outras parecidas e a babá, ou melhor, o funcionário, não perceber na hora, quem vai pagar o pato é seu colega de treino.

Não seja porco. A academia recebe centenas de pessoas por dia e elas não são obrigadas a lidar com seu cuspe, suor ou cocô. E nem com o seu lixo.

3- Não seja o xavequeiro chato

regras - xaveco esteira corrida

Essa regra é um pouco polêmica, porque a bem da verdade a academia pode ser sim um terreno fértil para relações amorosas, e pode, eventualmente, fazer pessoas encontrarem o homem ou a mulher da sua vida na máquina logo ao lado.

Só que precisar ficar claro que academia não é micareta e que este não é o principal motivo das pessoas estarem ali. Ou, pelo menos, não é o motivo principal da maioria delas.

Quase todas as pessoas numa academia estão lá para treinar, não para encontrar namorada(o).

Então, se você não faz parte desse grupo e quer flertar com quem está em volta, vá lá, é esquisito mas é um direito seu. Só não fique enchendo o saco alheio, não seja insistente e desagradável.

Outra coisa importante: sair “colando” nas pessoas na academia pode ser um sinal bastante claro de desespero, que em geral costuma pegar mal – tanto com homens quanto com mulheres.

Se você quer arrumar o amor da sua vida na academia, saiba que você vai ter que ralar muito mais do que na balada. E faça isso com classe e respeito, pelo amor de Deus!

4- Não roube nada de ninguém (ou da academia)

Quando alguém precisa “ensinar” que roubar é errado, é porque as coisas estão complicadas mesmo. Mas pare e pense: quantas pessoas você não conhece que já tiverem ítens furtados na academia? Pois é, triste realidade.

Tem até gente que rouba a própria academia – por exemplo, furtando equipamentos e acessórios. Isso é tão estúpido, que a gente não sabe nem por onde começar a explicar. Mas que tal pensar no impacto disso no valor da mensalidade?

E roubar de outros alunos, então? É o fim da picada! Quem faz isso realmente não está nada interessado em treinar, porque, se estivesse, lutaria para a academia ser o lugar mais agradável do mundo, já que vai passar bastante tempo por lá.

Enfim, sobre essa regra não precisa falar muito. Quem faz esse tipo de coisa precisa colocar a mão na consciência e tentar fazer pelo menos um ou dois neurônios funcionarem. Seria o suficiente para nunca roubar nada de ninguém.

5- Não bloqueie os espelhos

regras - espelho

A geração selfie pode não saber, mas os espelhos da academia não estão lá para que as pessoas tirem fotos, e sim para serem usados durante o treino. É isso mesmo: pode parecer incrível, mas eles têm uma utilidade além das selfies, e é bem importante.

Aqui no Feito de Iridium, a gente já falou dezenas de vezes sobre a importância de uma boa execução dos movimentos durante o treino. Em geral, a forma é muito mais importante do que volume e intensidade.

E, principalmente em exercícios muito pesados, uma boa maneira de perceber se você está fazendo tudo certo é usando o espelho.

Então não é questão de discutir se selfie no espelho da academia é legal ou não. Se quiser, vá lá e tire. Essa regra de não bloquear o espelho, inclusive, diz respeito à muitas outras situações além da selfie – usamos essa para ilustrar porque é a mais comum.

Mas o ponto é: não bloqueie o espelho, seja por qual motivo for, e não atrapalhe quem quer usá-lo durante o treino. Simples assim.

6- Não interrompa uma série alheia

A concentração é fundamental para uma boa performance na academia. É preciso prestar atenção em várias coisas ao mesmo tempo para tirar o melhor do treino.

Logo, se alguém está focado fazendo um exercício, não o interrompa. Em hipótese alguma.

Ok, você pode interromper se a academia pegar fogo e a pessoa não perceber. Ou se acontecer alguma tragédia do tipo. Em todos os outros casos e situações, não.

E não importa se você quer pegar ou guardar um equipamento, se quer ajuda, se precisa de uma dica, se quer dar uma sugestão ou um apoio moral não solicitado. Também não interessa se você quer “só passar” ou se “é um segundinho”.

Espere a maldita série acabar!

Não custa nada e nunca demora tanto a ponto de você arruinar o treino alheio porque não pode esperar.

VEJA MAIS: [VÍDEO] Desafio: você sabe tudo sobre treino e nutrição esportiva? 
LEIA MAIS: 6 formas de usar o smartphone a favor do seu treino 
LEIA MAIS: Zack Ruhl: o gigante sem pernas que levanta 215 kg no supino

Comentários