hany rambod - treinador - phil heath

6 dicas do treinador de Phil Heath e Jay Cutler que vão te ajudar a crescer

Hany Rambod, ex-treinador de Jay Cutler e atual do Phil Heath, deu algumas dicas da preparação desses atletas para você colocar em prática!

Pode ser que você nunca tenha ouvido falar em Hany Rambod, mas com certeza conhece seus alunos mais ilustres, como o 6 vezes campeão do Mr. Olympia Phil Heath e o 4 vezes “Mr. O” Jay Cutler.

Recentemente, a revista Muscle & Fitness bateu um papo com o renomado treinador e arrancou dele alguns segredos usados com esses monstros e que você pode aplicar para ganhar força e massa muscular.

Não se trata de um treino, até porque o treino de um bodybuilder do nível de Heath ou Cutler é completamente fora da realidade (se não impossível) para a esmagadora maioria das pessoas.

São dicas mais abrangentes e conceituais, que com certeza podem ser aplicadas na prática por qualquer pessoa que treina pesado, mesmo que não queira entrar em competições de fisiculturismo.

Se liga:

6 dicas do treinador de Phil Heath e Jay Cutler que vão te ajudar a crescer

phil heath e jay cutler

1- Frequência 

Apesar de ficarem “na estrada” pelo menos uma semana por mês, os caras treinam de 5 a 6 dias por semana, segundo um programa que divide o treino de acordo com partes do corpo.

Assim, peitoral, costas, pernas, ombros e braços em dias separados. Abdominais são treinados em dias aleatórios e, quando isso acontece, são trabalhados antes do outro grupo muscular do dia.

2- Séries estáticas

O tempo sob tensão dos músculos é essencial para a hipertrofia. Quanto maior o tempo, mais o músculo vai crescer.

É por isso que na preparação para o Mr. Olympia 2016, Rambod colocou séries estáticas no treino de Phil Heath.

No caso, Heath deveria fazer elevações unilaterais com halteres, mantendo o braço que não está sendo trabalhado esticado, segurando o peso na posição mais alta do movimento, enquanto o outro braço fazia a total amplitude do movimento.

Isso forçava Heath a acumular mais tempo sob tensão do que se fizesse séries tradicionais.

hany rambod treinador

3- Progressão da amplitude

Rambod também aplicou com Heath um método que promove a progressão contínua da amplitude de movimento de um exercício a cada repetição, que também é uma forma eficiente de aumentar o tempo sob tensão, segundo o treinador.

Por exemplo, no caso da elevação frontal com barra, você deve começar fazendo apenas metade do movimento completo na primeira repetição, aumentando a amplitude em alguns centímetros a cada rep.

O objetivo, segundo o treinador, é “ultrapassar o ponto de falha e trabalhar ângulos diferentes, que seus músculos não estão acostumados”.

4- Cardio

Na preparação para as competições, Phil Heath faz 30 minutos de cardio de manhã e 30 minutos à tarde – sim, duas sessões por dia.

Em geral, o atleta faz a atividade na esteira ou na “StairMaster”, máquina que simula uma escada, mas eventualmente faz algumas sessões de corda naval também.

O tipo de treino varia entre HIITs e cardio “convencional”, sem nenhuma definição absoluta sobre essa divisão.

hany rambod - phil heath - treinador

5- Dieta e suplementação

Phil Heath se alimenta a cada 3 ou 4 horas e mantém um controle rígido da dieta, pesado tudo o que come, ingerindo cerca de 300g de proteína magra e 75g de carboidratos a cada refeição.

Em relação à suplementação, o atleta consome BCAA com o objetivo de prevenir a fadiga muscular e favorecer a síntese proteica ao longo do dia.

Também usa glutamina, que o ajuda a evitar o catabolismo, e um pré-treino que contenha arginina, precursor do óxido nítrico, para aumentar o fluxo sanguíneo e promover maior entrega de nutrientes aos músculos.

Logo depois de cada session, Heath também consome um shake de proteína com 75g de whey protein isolado.

6- Recuperação

Como os bodybuilders possuem uma quantidade monstruosa de tecido muscular, eles obviamente são mais suscetíveis a desenvolver nódulos e tecidos cicatriciais que, no médio e longo prazos, podem causar dores crônicas.

Por causa disso, atletas treinados por Rambod fazem alongamentos e exercícios com rolo de espuma tanto antes quanto depois dos treinos.

E isso não basta para um gigante de 130kg como como Phil Heath. Por isso, ainda faz massagem muscular, quiropraxia, acupuntura e eletroestimulação.

O objetivo de toda essa estratégia é reduzir as inflamações e aumentar a circulação sanguínea, que promove maior entrega de nutrientes nos músculos.

Com 13 títulos do Mr. Olympia no currículo, talvez valha a pena levas as dicas de Hany Rambod para o seu professor e tentar colocá-las em prática logo, hein?!

 

 

LEIA MAIS: O treino de ombros de Phil Heath, hexacampeão do Mr. Olympia 
LEIA MAIS: 11 dicas para otimizar o seu treino de tríceps e aumentar os ganhos 
LEIA MAIS: As dicas de Phil Heath para um agachamento frontal perfeito

via M&F

Comentários