Filé de frango

5 cuidados que você deve ter ao consumir a carne de frango

A carne de frango é uma das mais consumidas no mundo todo, principalmente por bodybuilders, mas é preciso cuidado para fazer bem o uso dela.

O frango é um grande aliado da dietas de quem treina, tanto de quem quer ganhar massa muscular, quanto de quem quer perder peso.

A carne de frango é rica em proteína, e contém uma quantidade menor de gordura, em relação a carne vermelha.

Assim, é a carne que mais aparece nos pratos dos praticantes de atividade física.

Há diversas formas de consumir o frango: cozido, assado, frito, grelhado, etc. e diversas receitas que levam o alimento como principal ingrediente.

O fato é que, além de como você vai consumir, você deve ter outra preocupação: a forma como você manipula o alimento e como evitar a contaminação do mesmo.

Você já deve ter ouvido falar na Salmonella, né? É uma bactéria comum de ser encontrada na carne do frango.

Esses animais normalmente não apresentam nenhuma sintomatologia, mas eliminam as bactérias pelas fezes, contaminando o ambiente, os animais e os alimentos.

Quando os alimentos estão contaminados e você os consome, contrai a Salmonella, que é a principal causa gastroenterite humana.

Além disso, a Salmonella pode levar à outras infecções, e a gravidade dessas infecções variam de acordo com a adaptação aos humanos.

Da dose infectante, da natureza do alimento contaminado ou do estado de saúde da pessoa infectada.

Se o frango é facilmente contaminado pela bactéria, devemos parar de consumir? Não! Você só deve tomar alguns cuidados.

Veja, então algumas dicas para prevenir a contaminação, proliferação e até como eliminar a bactéria e consumir o frango sem preocupação:

Pega a ideia:

5 cuidados que você deve ter ao consumir a carne de frango

1. Não lave o frango

peito de frango cru

Muitas pessoas têm o costume de lavar o frango antes de guardar na geladeira e isso é um grande erro.

As bactérias precisam de água para sobreviver e quanto mais água você fornece à ela, mais fácil fica sua proliferação.

Se você é do tipo que não consegue comer um frango sem lavar antes. então lave imediatamente antes de seu preparo.

Mesmo assim, não é o mais indicado.

2. Armazene o frango corretamente

Apesar da baixa temperatura da geladeira não ser capaz de matar ou erradicar a proliferação da bactéria, ajuda a prevenir sua proliferação.

Ou seja, nunca deixe o frango fora da geladeira.

Não importa se você já preparou ou se ele está cru, deve ser sempre armazenado na geladeira ou congelado.

Congelar o frango também previne a proliferação de bactéria, mas também não as eliminam.

E se congelou e descongelou, não pode congelar novamente.

Além disso, guarde em recipientes fechados para evitar o contato com outros alimentos.

3. Não descongele no microondas ou em temperatura ambiente

músculos - peito de frango

Se você tem o hábito de comprar uma grande quantidade do alimento e congelar ou preparar o alimento para a semana e congelar, não tem problema.

Você só deve ter suas atenções:

A primeira é em relação a validade. A validade de um alimento congelado não é infinita.

Então, consuma o mais rápido possível e não compre quantidades enormes.

A segunda é em relação ao descongelamento. O ideal é que o frango seja descongelado na geladeira e não em temperatura ambiente, muito menos no microondas.

Isso porque a temperatura da geladeira evita a proliferação das bactérias.

Apesar de demorar mais, é mais seguro. Se programe e descongele na geladeira.

4. Higienize os utensílios

Higienizar os utensílios antes e depois que você utilizou para cortar, apoiar ou guardar o frango, é essencial.

Além de prevenir a contaminação do frango, caso ele esteja contaminado, você evita que ele contamine outros alimentos.

Outra dica essencial é nunca deixar o frango cru em contato com outros alimentos já prontos para consumo.

Por exemplo, se você cortou o frango em uma tábua, não utilize a mesma para cortar os legumes cozidos.

Sempre lave bem os utensílios dos alimentos antes de manipular outros alimentos.

O melhor ainda seria utilizar utensílios diferentes.

5. Cozimento: o MAIS importante

Peito de Frango

Com certeza, essa é a dica mais importante e a que não deve ser desrespeitada de forma alguma!

As bactérias são destruídas a altas temperaturas, o que significa que quando a carne é cozida, assada ou grelhada POR COMPLETO, as bactérias são destruídas.

Então, se você cozinhar corretamente o frango, ele pode ser consumido sem nenhum problema.

Nunca consuma o alimento cru ou ‘mal passado.

Vale lembrar que, se você cozinha e congela, você não pode deixar o alimento em contato com outros alimentos ou utensílios contaminados.

Isso porque ele pode ser contaminado. Certifique-se de que ele será armazenado corretamente.

  
 

Comentários